Serra do Mar

Ela acordou de manhã
Ainda não era dia
Andou até a varanda
Que imensa calmaria

O vento que vinha
Do mar tão profundo
Beijar o seu rosto
Depois de girar o mundo
Nesse dia não veio

São sete e trinta e três
No velho despertador
Mas luz nenhuma se fez
Tristezas, sombras e dor

O Sol, astro rei
Que sempre se erguia
Lhe tirava um sorriso
Pra que se fizesse dia
Também ele não veio

A dor batendo em seu seio
E lá do meio do mar
A azul gaivota não veio
Seus segredos contar

Embaixo do monte
Por lá ninguém anda
Se põe de joelhos
A moça da varanda
Ela não acordou

-- Cárlisson Galdino

Gênero: 
Avalie: 
No votes yet

Comentar