A Nova Ordem

Dentre os humanos surgiramAs Asas da Águia
Dentro de alguns poucos anos
Como humanos nunca viram
Como os achavam insanos

Mas as águias ascenderam
Acendendo uma esperança
No mundo em que os homens eram
Causa e meio de vingança

Mas quando essa fúria cessa
Começa a nova verdade
Em restaurações sem pressa

Ergue-se nova cidade
Mas trazendo uma promessa
Para todos, liberdade

-- Cárlisson Galdino

Avalie: 
No votes yet

Comentar