Depressão

Angelicalmente sozinho
Se lá fora chove ou faz sol
Ele se pergunta: e daí?

Tão estranhamente tristonho
Calmamente claro ou escuro
Cercado de cores e sons

Pateticamente irritado
Deitado no chão agradável
Nem tão frio, nem tão gelado

Demoniacamente insano
A televisão vai ao chão
E todos os móveis se movem

Inumanamente furioso
Começa a socar a parede
Blasfema e pragueja em silêncio

Monarquicamente sozinho
Agradece a vida agradável
Co'a arma sob o travesseiro

-- Cárlisson Galdino

Gênero: 
Avalie: 
Average: 2 (1 vote)

Comentar