Águia ao Mar

A Terra inteira se levantaAs Asas da Águia
Quando ouve o berro por ajuda
E a corneta da guerra canta
E a Terra se ergue para a luta

Eles já sabem bem quem foi
Que pediu por socorro aos berros
A águia que, embora voe
Não tem suas asas de ferro

A Terra se ergue: o mar é distante
A morte da águia não pode ir em frente
A Terra se ergue: o mar é distante

A águia tinha asas, mas não as tem gente
A Terra se ergue: o mar é distante
Tanto que não há sequer como se tente

-- Cárlisson Galdino

Avalie: 
No votes yet

Comentar