lago

O Elixir

Um pingo de luz desliza
Por seu corpo indescritível
Ao som de divina banda
Tocando um metal-canção

Sabes que em meu coração
Teu olhar manda e desmanda
Com comandos de alto nível
Nem mesmo falar precisa

Desse Sol nos vem a brisa
Faz seu corpo transparente
Mas no toque sei te ver

Deixa o tempo transcorrer
Se entregue a mim totalmente
Que o Amor imortaliza

-- Cárlisson Galdino

Vossa Excelência

Por mais que esteja o mundo tão moderno
Com essa vasta tecnologia
E que a vida urbana tenha mudado
Os poderes permanecem iguais

O povo é massacrado mais e mais
Pela justiça, mídia, pelo Estado
Desenganado co'a democracia
E todos os poderosos de terno

São ricos que só pensam em ter aumento
Políticos disputando o poder
Corruptos que matam por cobiça

Juízes que não sabem o que é justiça
Seguindo assim, nós vamos por fim ver
"Vossa excelência" virar xingamento

-- Cárlisson Galdino

Special: 

O Charlatão

Quando tocarem canções
Jurando, feitas pra ti
Me plagiam sem vergonha
Pra ti são todas que fiz

Não ligue pra alguém que diz
Que à noite contigo sonha
Só pensa em se divertir
A noite é das ilusões

Se lhe jurarem paixões
Pode crer que esse alguém mente
Se diz te amar mais que eu

Ouça e veja se entendeu
Só eu te amo totalmente
Não aceite imitações